Search
Close this search box.

Membro de grupo criminoso é preso, responsável por dois homicídios ocorridos em Manaus


A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), com apoio da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO) do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), prendeu na segunda-feira (1º/07) Bruno Nunes Brito, 26 anos, pela morte do agente de segurança Victor da Costa Lopes, 24 anos, e de Vaner Bulcão da Silva, 35 anos. Os crimes ocorreram em 11 de novembro de 2023 nos bairros Tarumã e Centro, zonas oeste e sul da capital.

Em coletiva de imprensa, a delegada Marília Campello, adjunta da DEHS, destacou que esta foi mais uma ação bem-sucedida da unidade especializada, com o apoio dos agentes da FICCO, resultando na prisão de Bruno Nunes Brito, integrante de um grupo criminoso na cidade, responsável pelas mortes de Victor e Vaner. O autor agiu friamente nos dois crimes.

“Ele primeiro matou Victor na casa da vítima, na frente de sua esposa, no bairro Tarumã. O criminoso ainda levou pertences da residência, incluindo uma motocicleta usada para se deslocar até o bairro Centro, onde matou Vaner”, explicou a delegada.

Conforme a autoridade policial, provavelmente a motivação da morte de Victor está relacionada ao fato de o agente de segurança ter encontrado uma arma de fogo enterrada no quintal de sua casa em agosto de 2023 e entregá-la às autoridades policiais, visto que não há notícias de envolvimento da vítima com atividades ilícitas. A arma pertencia ao grupo criminoso ao qual Bruno pertence. Quanto à morte de Vaner, a motivação está ligada ao envolvimento deste com o tráfico de drogas.

As outras pessoas envolvidas na morte de Victor já foram identificadas pela Polícia Civil. No entanto, o caso segue sob investigação.

O delegado Jonathas Simas de Lima, coordenador da FICCO, relatou que a captura do indivíduo foi resultado da investigação da DEHS, utilizando técnicas especiais de investigação da Força Integrada.

“A equipe identificou onde o autor estava escondido, fez o acompanhamento por algum tempo e conseguiu capturá-lo no município de Presidente Figueiredo (a 117 quilômetros de Manaus)”, afirmou o delegado.

Bruno Nunes Brito responderá por homicídio qualificado e ficará à disposição da Justiça.

FOTOS: Jean Palheta/PC-AM



Fonte

Compartilhe nas Redes

últimas noticias