Search
Close this search box.

Primeira pista de skate coberta foi entregue na zona Norte de Manaus


A Prefeitura de Manaus, entregou, nesta quinta-feira, 27/6, a primeira pista de skate coberta da capital, localizada embaixo do complexo viário Professora Isabel Victoria, conhecido viaduto do Manoa, na zona Norte. O novo espaço recreativo construído pela Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) atende uma solicitação da associação de skatistas do bairro, que auxiliaram na elaboração do projeto da obra.

Na oportunidade, o prefeito David Almeida, informou que o objetivo era oferecer um novo espaço de lazer e práticas esportivas em uma área que antes estava abandonada.

“Aqui era uma área que servia de moradia para pessoas em situação de rua  e nós transformamos esse espaço em uma bela pista de skate. Era uma reivindicação dos skatistas da zona Norte de Manaus. A primeira pista coberta da nossa cidade e aqui aproveitamos a obra do grande viaduto. A construção da pista foi executada pelos profissionais da Semulsp, com a transversalidade das secretarias, e assim a gente conseguiu entregar esse espaço muito bonito para a prática de skate”, afirmou Almeida.

O novo espaço conta com corrimãos, rampas de vert, pirâmides, e outros diferentes tipos de obstáculos. A pista também recebeu grafismos e pinturas, dando mais vida e colorido ao espaço.

A obra foi realizada pelos servidores da Semulsp, em um período de 2 meses, sem necessidade de contratação de uma empresa, como explicou o titular da Semulsp, Sabá Reis.

“Nós temos na Semulsp um exército de pessoas comprometidas, eles foram os responsáveis por esse espaço muito bem-feito, porque não abrimos mão de fazer o melhor. E hoje, estamos todos aqui com o prefeito entregando esse presente para os skatistas da zona Norte”, disse o secretário.

Para o representante da associação dos skatistas da zona Norte, Júlio César Coelho, a nova pista é uma realização para toda a categoria, que aguardava há mais de 30 anos por um espaço para a prática.

“Esse espaço representa muito para nós skatistas, para a cultura social da rua. Estão, essa pista não vai influenciar apenas os skatistas mais profissionais, mas também aqueles iniciantes, que poderão usar esse espaço para praticar e se dedicar ainda mais à prática”, disse o skatista.

Foto – Dhyeizo Lemos / Semcom



Fonte

Compartilhe nas Redes

últimas noticias